Protestante se converte à Igreja Católica através da Patrística (Conversão de Steve Ray)

Steve Ray, um ex protestante Batista, comenta como os “Padres da Igreja” (Patrística) foram fundamentais para que ele abandonasse o protestantismo e se tornasse católico.

É muito comum vermos protestantes dizendo que a Igreja Primitiva seguia Jesus, mas foi corrompida pelas ideias Católicas e “resgatada” de forma verdadeira por Martinho Lutero.

Sobre isso diz Steve Ray “Mas se for assim, os cristãos primitivos devem ter se corrompido muito cedo, afinal, aqueles primeiros cristãos, os Padres Apostólicos, os Padres da Igreja, acreditavam na presença real de Cristo na Eucaristia, eles acreditavam em Pedro a na autoridade de Roma, eles falavam frequentemente sobre a estrutura da Igreja, que tinha bispos, padres e diáconos.”

Chamamos de “Padres da Igreja” (Patrística) aqueles grandes homens da Igreja, aproximadamente do século II ao século VII, que foram no Oriente e no Ocidente como que “Pais” da Igreja, no sentido de que foram eles que firmaram os conceitos da nossa fé, enfrentaram muitas heresias e, de certa forma foram responsáveis pelo que chamamos hoje de Tradição da Igreja; sem dúvida, são a sua fonte mais rica. Padre ou Pai da Igreja, se refere a um escritor leigo, sacerdote ou bispo, da Igreja antiga, considerado pela Tradição como um testemunha da fé. [1]

Steve Ray cita Santo Inácio de Antioquia, que se referindo ao Docetas, uma seita gnóstica da época que não acreditava na presença real de Cristo na eucaristia, escreveu:

“Afastam-se [os Docetas] também da Eucaristia e da oração porque não confessam que a Eucaristia é a carne de nosso Salvador Jesus Cristo, a mesma [carne] que padeceu pelos nossos pecados; a mesma [carne] que, por sua bondade, o Pai ressuscitou. Assim, pois, os que contradizem o dom de Deus morrem e perecem nas suas digressões. Quão melhor seria para eles celebrar a Eucaristia, a fim de que ressuscitassem! Convém, portanto, afastar-se dessas pessoas e nem privada nem publicamente falar com elas (Carta aos Esmirniotas 7,1-2. Ano 107 d. C.)” [2]

Se você se interessou e quer estudar a Patrística, os livros podem ser encontrados aqui http://ecclesiae.com.br/index.php?route=product/category&path=162

e várias citações e estudos nos sites:

http://www.ofielcatolico.com.br
http://www.apologistascatolicos.com.br
http://www.veritatis.com.br/

Fonte do texto:

[1] Você sabe o que é Patrística? http://cleofas.com.br/voce-sabe-o-que-e-a-patristica/

[2] Catolicismo Primitivo (Parte 3) – Santo Inácio de Antioquia http://www.apologistascatolicos.com.br/index.php/patristica/estudos-patristicos/917-catolicismo-primitivo-parte-3-santo-inacio-de-antioquia

Ajude o canal compartilhando os vídeos.

Salve Maria!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s